Sheela na Gig

Nós dois caminhavamos por uma rua deserta, já passava das duas da manhã e caia uma garoa fina e insistente. A gente tinha saído do show da Lady Gaga e meus ouvidos ainda estavam zumbindo. Íamos em silencio, o que se ouvia na rua deserta era o barulho dos nossos passos e o canto fora de hora de uma sabiá atordoada pelas luzes da cidade.

Minha amiga quebrou o silencio e começou a contar um sonho que teve na noite anterior. No sonho, eu era um guia de passeios em uma região de crocodilos e levava pessoas para brincar com esses animais em águas cristalinas e profundas. Colocavamos fios em volta do pescoço dos bichos, eles ficavam furiosos e eu ensinava os turistas como fugir para um lugar seguro, longe das bocas famintas dos répteis. Segundo ela, minha presença era forte no sonho e por isso ela quis que eu ajudasse a interpretar.

Sou um péssimo intérprete de sonhos, mas não falei isso pra ela. Nós estávamos muito juntos e seu corpo gordo colado ao meu me ajudava a proteger do frio mas ao mesmo tempo era incomodo, como se ela estivesse invadindo minha zona de segurança. Eu havia conhecido Leila numa sala de bate papo cabeça, num grupo que as pessoas discutiam Jung e suas teorias. Leila se destacou dos demais, ela tinha algo de familiar, parecia que eu já a conhecia há tempos. Passamos a fazer programas juntos mas entre nós rolava só uma amizade colorida, nada mais sério.

Ela se virou para mim esperando a resposta. Eu fechei os olhos, buscando imagens que me dissessem alguma coisa sobre o sonho.

Lembrei da minha mãe deitada ao meu lado, me aconchegando depois de ter me acordado de um pesadelo em que eu estava sendo comido por crocodilos. Eu devia ter uns 5 anos quando isso aconteceu. Minha mãe me consolava, passava a mão na minha cabeça dizendo que enquanto ela estivesse comigo nenhum mal poderia me atingir nesse mundo.

Automaticamente eu me afastei de Leila, que me perguntou se eu estava bem. Fiz um movimento afirmativo com a cabeça. Continuamos caminhando separados agora.

A voz da minha mãe se misturou à da Lady Gaga, que ainda ecoava na minha cabeça, e me veio a imagem de uma carona que eu peguei uma vez no sul França. Eu tinha acabado de sair de uma relação conflituosa, deixei a garota numa comunidade e botei o pé na estrada em direção à Grécia, fugindo do inverno europeu.

Eu devia ter uns 30 anos na época. Uma mulher bem mais velha que eu, me pegou na estrada e se propos me levar até o sul do país, onde eu devia pegar o trem para a Itália. No rádio do carro tocava Nina Hagen e conversávamos sobre feminismo. Ao anoitecer ela perguntou onde eu ia dormir, percebi que era um convite claro para que eu dormisse com ela. Agradeci e recusei, pois eu ainda estava no clima de uma história em quadrinhos que eu estava lendo para aprender francês. Eu tinha lido La Veuve Noire (A Viuva Negra), em que a mulher devorava os machos depois do coito. Pedi pra ela me deixar ali mesmo na beira da estrada, onde acabei pegando um ônibus para o meu destino.

Abri os olhos e lá estava Leila ainda me encarando, esperando que eu dissesse alguma coisa.

__Vagina dentata, você sabe o que é, não sabe?

__Sei, você acha que eu quero te comer?

__Pode ser, foi o que eu consegui perceber do sonho.

__Pra onde você quer ir agora?

__________________________________________________________________________________

“Sheela Na Gig” é uma deusa da mitologia celtica, relacionada às sereias, que encanta e seduz os homens. Sua “vagina dentata” representaria um aviso contra os perigos associados à luxúria dos homens.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

8 Respostas to “Sheela na Gig”

  1. edna Says:

    Sentimento tem a ver com amor e não com o gênero…Tem isso de sinal trocado não! O amor fala língua universal…
    O que polariza não tem nada a ver com sentimento, tem a ver com natureza e biologia…Hormônios! Isso sim é que é lingua difícil de entender…Ou não! rsrsrsrs

  2. chicoabelha Says:

    Sentimento é igual com sinal contrário?

  3. chicoabelha Says:

    Minha cabeça dentada? Ora, ora, ora, que inversão vc está fazendo na sua cabeça, dona Edna! rsrsrsrs!

  4. edna Says:

    Chico véi…
    Medo dessa sua cabeça dentada!
    Medo de vc…rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: