BBB

Churrasco no domingo não é meu programa predileto, especialmente agora que eu resolvi maneirar na alimentação e diminuir o consumo de carne (todos os tipos). Para prestigiar a aniversariante e acatar um pedido da minha esposa, que vive me dizendo que eu não saio do computador, acabei cedendo. Afinal, tratava-se da comemoração de 40 anos da fiel escudeira da minha esposa, uma pessoa que passou metade da vida dela recebendo os pacientes na linha de frente do consultório, era importante a nossa presença.

A festa era num desses espaços que se aluga para eventos, na periferia da cidade, naquela transição entre o urbano e o rural. Um gramado que faz as vezes de estacionamento, um laguinho artificial com plantas artificiais e cercado por uma mureta de blocos, uma casa de roça com jeito de abandonada, uma piscina de azulejos brancos e um galpão grande com churrasqueira e uma cozinha acanhada. Era ali que eu ia passar a minha tarde.

Quando chegamos, a festa já estava animada, um sambão nas caixas, todo mundo já comendo seu de churrasco com farofa, mas como eu já tinha feito uma boquinha em casa, não estava com nenhuma fome. Rapidamente, passei os olhos, procurando o lugar mais fresco para me instalar, pois o calor estava de rachar o coco… Cumpri as formalidades de praxe e me mandei para baixo de uns pinheiros na entrada do complexo. Eu não havia percebido quando entramos, mas debaixo desses pinheiros haviam uns bancos e balanços onde algumas crianças se divertiam. Aliviado por encontrar um lugar mais silencioso e fresco, sentei-me num banco cheio de mofo e agulhas de pinheiro.

Não demorou muito, as crianças se aproximaram e começamos uma conversa, aliás, elas puxaram papo comigo. Pergunta daqui, pergunta dali, acabaram descobrindo o que eu escrevo histórias na internet. Tão logo souberam disso, me pediram que contasse uma história, mas não uma história qualquer, tinha que ser de terror, ou de ação, ou de suspense. Fiquei com dó das crianças, mas eu não estava com nenhuma vontade de exercitar a minha imaginação naquela hora, de modo que devolvi o pedido.

Para minha surpresa, mal eu terminei minha recusa, uma das crianças, a Isabela, começou a contar uma história que havia lido na internet. Uma menina descobre um bando de viciados que costuma fazer uso de drogas numa casa vazia num lugar ermo. Curiosa, a menina resolve experimentar, se vicia também e sua vida se transforma num inferno. Ela se torna uma marginal e passa a viver com os viciados, que não a deixam mais voltar para casa e passam a estupra-la regularmente.

Nessa hora eu interferi e perguntei se elas sabiam o que era um estupro.

__É o que o Daniel fez com a Monique, tio, todo mundo sabe.

__Todo mundo sabe o que? Quem é o Daniel, quem é a Monique?

__Você não assiste o Big Brother, tio?

__O Big Brother? Eu não, e vocês?

Diante da minha negativa, fizeram cara de quem tinha visto fantasma. Admirado, constatei que as seis crianças ali, conversando comigo, todas elas, assistiam o Big Brother.

__Mas vocês assistem escondido dos seus pais? Eles sabem que vocês vêem esse programa?

Todos me responderam que assistiam com os pais, que sabiam que não era recomendado para menores de 14 anos e mais, todos tinham uma opinião formada, se o rapaz tinha mesmo estuprado ou se foi armação da moça… Argumentavam como adultos, dando todos os detalhes picantes sobre o ocorrido. Chocado com as informações que me eram dadas por aquelas crianças, perguntei a idade delas.

A mais velha era a Isabela, com 11 anos, e o mais novo do grupo tinha 7 anos…

Depois desta aula, decidi que todos os domingos vou sair de casa para fazer um programa diferente, conhecer mais do mundo real, pois eu tenho passado muito tempo mergulhado na fantasia.

Anúncios

Tags: , , , , , , , ,

2 Respostas to “BBB”

  1. maria neusa guadalupe Says:

    Amigo: estou chocada mas não devia; os pais perderam a noção
    dos valores éticos que devem nortear a vida de adultos ,adolescentes e crianças….depois não querem arcar com as consequências de suas omissões…aiai..beijos preocupados da maria neusa( lembra de mim??? rs)

    • chicoabelha Says:

      Maria Neusa, claro que me lembro de você, mesmo vc tendo desaparecido do YuBliss…
      Hoje começa lá um forum sobre constelação familiar, uma terapia muito interessante e rápida, vale um olhada…
      http://www.yubliss.com/forum/1515/
      Sobre o BBB e as crianças, fiquei apavorado, com impressão de que o mundo está virado de ponta cabeça… O que estamos fazendo com nossas crianças?
      Bjs solidários!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: